CIRANDA DE TEXTOS

quarta-feira, 21/12/16 15:00

Autor: Lea Leda Schmidt Correa.

Gincana NAP – Grupo 01, Garimpeiros de Sonhos.

 

Colegas do Grupo 1,

            Estou abrindo nosso "Baú de Histórias".

            Que aproveitemos, com eficácia, as técnicas de otimização da memória aprendidas na "Oficina da Memória" da tia Débora.

            Que entrem na roda, conforme sugeri para o Grupo 1, os provérbios africanos do texto A vida é um beijo doce em boca amarga.

            Que nossa "Ciranda de Textos" comece seu giro na Gincana do NAP.

 

            Esse fato é verdadeiro e aconteceu na minha família. Ontem.

            Minha irmã fez uma viagem a Aparecida do Norte, acompanhada pela filha. Foram movidas por uma grande fé a Nossa Senhora e por um compromisso religioso.  Fé que remove montanhas. Quisera ser assim…

            Quando ela comunicou no grupo de leitores das escrituras sagradas sua intenção de viajar, o padre de sua paróquia lhe disse.

– Ótimo! Aproveite a oportunidade e mande para nós fotos das vestes dos leitores do Santuário de Nossa Senhora Aparecida. Elas poderão inspirar-nos na escolha do novo modelo das vestes dos leitores da Paróquia.

            Assim foi feito. Minha irmã honrou seus compromissos. Foi a Aparecida do Norte, cumpriu sua programação religiosa, tirou as fotos e mandou para padre.

            Qual não foi seu espanto, o receber de uma leitora da Paróquia, sua colega, através do zapzap, uma mensagem assim:

– Saí prá lá, colega. Você está querendo impor o modelo de nossas vestes? Já temos tudo combinado. Jogar dinheiro fora, não!!! Calma! Devagar com o andor que……………………….

            Surpresa diante da reação da colega, minha irmã respondeu:

– Só fotografei a pedido do padre. Longe de mim impor um modelo de veste para o grupo.

            Esse diálogo (sic) foi o princípio do fim. Choveram mensagens. De apoio a minha irmã que, diante da tempestade, calou-se.

– O Padre, realmente, pediu as fotos!

– Obrigada, colega, pela gentileza de enviar-nos as fotos dos Ministros de Aparecida conforme foi solicitado pelo padre.

– Iniciativa delicada, colega. Grata.

            No entanto, a colega dissidente  continuou:

– Jogar dinheiro fora? Não!

-Só discuto o assunto em reunião. Opinião particular não pode prevalecer, definitivamente.

            Zapzap… Minha irmã, diante da confusão calou-se mais uma vez. Perplexa. Decepcionada. Triste.

Provérbio: A vida é um beijo doce em boca amarga.

Últimas notícias

ver mais
MENTE ATIVA INSCRIÇÕES ABERTAS PARA A OFICINA DE MEMÓRIA DO SINJUS terça-feira, 12/12/17 18:25 Promover a saúde entre filiados e servidores é um dos compromissos do Sindicato dos ...
ARTIGO GÊNERO E RAÇA INFLUENCIAM NO TEMPO DE DESEMPREGO? – I terça-feira, 12/12/17 17:48 Em artigo anterior abordamos a questão da redução da taxa de desemprego no Brasil, ...
NOTA DE ESCLARECIMENTO NOVA DIREÇÃO FENAJUD E SINDICATOS ASSOCIADOS terça-feira, 12/12/17 13:59 Com relação ao “Comunicado” publicado em 10/12/2017 às 23:42 no sítio eletrônico da Fenajud, ...
Top