SAÚDE

CBI PRESSIONA IPSEMG POR MELHORIA NO ATENDIMENTO

terça-feira, 14/03/17 13:51

O Conselho de Beneficiários do Ipsemg (CBI) esteve reunido em fevereiro para tratar dos problemas constatados nos serviços de saúde oferecidos pelos credenciados ao Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg). Apesar dos esforços do Conselho, nenhuma das deficiências levantadas nas reuniões anteriores foi resolvida pelo Instituto. Por isso, os membros do CBI estudam enviar ofício ao governo do Estado solicitando providências caso não sejam apresentadas soluções na próxima reunião, marcada para o final deste mês.

No último encontro, o CBI cobrou posicionamentos do presidente do Ipsemg, Hugo Vocurca Teixeira, sobre as três reivindicações apresentadas anteriormente. A primeira é quanto ao estudo e implementação de um ambulatório com especialidades essenciais e meios de transporte, na cidade de Uberlândia, para que o beneficiário possa se direcionar aos hospitais credenciados da região do Triângulo Mineiro, devido a total falta de atendimento no município. A segunda é relativa à mudança da coordenação na mesma cidade. No entendimento do Conselho, esta coordenação não consegue intermediar soluções para os problemas de credenciamento e atender adequadamente as demandas dos beneficiários. Já a terceira solicitação é para que o CBI tenha acesso ao cronograma da troca e modernização dos elevadores do Hospital Governador Israel Pinheiro (HGIP), em Belo Horizonte.

“Mais uma vez, e sem justificativas plausíveis, não tivemos resposta sobre a questão dos ambulatórios, relatada na reunião anterior. As outras demandas foram respondidas insatisfatoriamente pelo Ipsemg. Quanto à mudança de coordenação em Uberlândia, apenas foi informado que houve uma conversa com a atual coordenadora e que ela será mantida no cargo, mesmo contra a vontade das entidades que compõem o CBI. Já em relação aos elevadores do HGIP, que estão funcionando há bastante tempo de forma precária, mais uma vez, como em reuniões anteriores, foi terceirizado a responsabilidade do problema para outro departamento”, afirma o presidente do Conselho e diretor de Assuntos Jurídicos do SINJUS-MG, Alexandre Pires.

Além do representante do SINJUS, também participaram da reunião o presidente do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público do Estado de Minas Gerais (Sindpúblicos), Geraldo Henrique da Conceição, e outros representantes de Câmara de Uberlândia e Teófilo Otoni.

Uberlândia

Diante do caos instalado em Uberlândia, onde a coordenadora da cidade não consegue que os atendimentos pelo Ipsemg sejam prestados de forma satisfatória, o CBI cobrou, novamente, um compromisso maior do presidente do Ipsemg na ampliação da rede e quanto aos atendimentos nos hospitais Santa Catarina e Madrecor. Também foi solicitado que seja efetivado o credenciamento do hospital Santa Clara.

Segundo a direção do Ipsemg, o problema é que os hospitais de Uberlândia estão resistindo em fazer o credenciamento com a tabela que já é válida para as outras cidades do Estado. Entretanto, não apresentaram prazo nem estratégias para que o impasse seja equacionado.

Cotas de atendimento

Outro problema tratado na reunião do Conselho foram as diversas reclamações recebidas dos beneficiários sobre as cotas de atendimento disponibilizadas pelos credenciados do Ipsemg. Isso tem ocorrido tanto em Belo Horizonte quanto no interior. A situação é grave, pois as vagas estão se esgotando no mesmo dia de abertura da agenda, fazendo com que servidores tenham seus pedidos de exames recusados, até mesmo aquelas solicitações de caráter urgente.

Entretanto, para estranhamento dos membros do CBI, o presidente do Ipsemg, Hugo Vocurca Teixeira, disse desconhecer o problema de cotas em algumas cidades, como, por exemplo, Uberlândia. Diante disso, o CBI solicitou a realização de um estudo comparativo entre o índice de crescimento na arrecadação do Instituto e o crescimento de reajuste das cotas nos últimos três anos.

“Também solicitamos um canal específico para que o término das cotas em hospitais e clínicas seja informado. Assim os beneficiários poderão registrar a negativa de atendimentos. O objetivo é conseguir diagnosticar em quais unidades de saúde as cotas terminam mais rapidamente e por qual motivo”, complementou Alexandre Pires.

Desrespeito

Durante a reunião do CBI, os representantes das entidades também se sentiram desrespeitados diante da postura do presidente do Ipsemg, Hugo Teixeira. Além de não apresentar soluções para as demandas antigas e colocar obstáculos no fornecimento de informações solicitadas pelo CBI, que por várias vezes durante a reunião o presidente direcionou a sua atenção ao celular enquanto membros do Conselho se pronunciavam.

Ao final da reunião, outro ato de afronta foi quando Hugo Teixeira pediu o encerramento da reunião e saiu sem debater toda pauta, alegando que teria de retirar seu carro da oficina. Diante disso, o CBI registrou o fato e irá tomar providências para que membros do Conselho e todos os beneficiários do Ipsemg sejam respeitados durante o atendimento na rede de saúde e também pelos dirigentes do Instituto.

Notícias relacionadas

CBI visita Uberlândia: saúde pública continua caótica quinta-feira, 08/09/16 17:00 A situação precária por que passa a saúde pública na cidade de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, não é nenhuma novidade. O Conselho de Beneficiários do Ipsemg (CBI) tem corrido atrás de soluções e tratado o problema como prioridade. Em agosto, o presidente do Conselho, Alexandre Pires e o conselheiro ... leia mais
CBI se reúne com Dr. Mauro Lobo terça-feira, 25/10/05 01:00 Hoje, 25/10, o Conselho de Beneficiários do Ipsemg (CBI) se reuniu com o presidente do Ipsemg, Dr. Mauro Lobo e o diretor de saúde, Dr. Roberto Porto. A reunião tratou do atendimento dos beneficiários na cidade de Montes Claros, e ainda de um aumento para o orçamento do Instituto ... leia mais
CBI faz reunião sobre tratamento psiquiátrico no Ipsemg terça-feira, 14/12/04 01:00 Nesta terça, 14/12, o Conselho de Beneficiários do Ipsemg (CBI) realizou mais uma reunião, desta vez para discutir o tratamento psiquiátrico no Instituto. Além das entidades, estiveram presentes os representantes da psiquiatria do Ipsemg, da Casa Verde e do Hospital de BH, além de membros do Fórum Mineiro de ... leia mais
Falta de materiais pode se agravar com perda de autonomia do IPSEMG segunda-feira, 25/07/16 18:00 O Conselho de Beneficiários do IPSEMG (CBI) continua se empenhando a fim de encontrar soluções para problemas que persistem nas unidades de saúde. Neste mês de julho, membros do CBI deram encaminhamento às demandas acordadas na última reunião entre as entidades sindicais e a outras que foram observadas durante ... leia mais

Últimas notícias

ver mais
SINJUS CULTURAL CONFIRA OS GANHADORES DO PENÚLTIMO SORTEIO quarta-feira, 21/02/18 12:02 O penúltimo sorteio de ingressos do SINJUS Cultural para os espetáculos da 44ª Campanha ...
ARTIGO Qualidade de vida das pessoas com perda de memória quarta-feira, 21/02/18 08:32 Precisamos manter nosso cérebro sempre ativo para que nossa memória não falhe ao ponto ...
NÚCLEO DE APOSENTADOS REUNIÃO DO NAP ABORDA PREVIDÊNCIA E GESTÃO DO SINJUS terça-feira, 20/02/18 19:37 Os impactos da Reforma da Previdência foram discutidos na última reunião do Núcleo de ...

Convênios

ver mais
Top