REFORMA TRABALHISTA

CAS pode votar relatório da Reforma Trabalhista terça (20)

segunda-feira, 19/06/17 16:56

O senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) leu, na última terça-feira (13), na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), o relatório sobre o projeto de reforma trabalhista sem apresentar alterações ao texto aprovado pela Câmara dos Deputados, recusando as mais de 200 emendas sugeridas no colegiado. O projeto (PLC 38/17), assim, pode ser votado na terça-feira (20) no colegiado.

reformatrabalhistaTemer

A oposição apresentou votos em separado (relatórios alternativos). O primeiro a ler o texto alternativo foi o senador Paulo Paim (PT-RS), que pediu a rejeição da proposição por acreditar que não permitirá a criação de nenhum novo emprego, pois torna a legislação mais agressiva contra o trabalhador. Na mesma linha, os senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e Lídice da Mata (PSB-BA), também, leram seus votos contra a matéria.

Proposta da senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), aceita pela presidente da comissão, Marta Suplicy (PMDB-SP), vai garantir pelo menos uma hora e meia de debates para o encaminhamento da matéria antes da votação do projeto.

Mercado tem pressa
O relatório restringiu-se a chancelar o projeto aprovado pela Câmara dos Deputados, no dia 26 de abril. O relator faz apenas sugestões ao presidente da República para que vete alguns pontos da matéria, que considera nebulosos.

O mercado, autor da proposta, que conduz o debate no Congresso quer aprovar logo a proposta. Preocupa-se que haja uma debacle política, em razão da sucessão diária da crise política, que pode prejudicar o andamento do projeto.

Destaque-se que, na CAS, a correlação de forças é absolutamente adversa aos trabalhadores. Dos 21 membros do colegiado espera-se que apenas sete votem contra o projeto que retira direitos dos trabalhadores.

Próximos passos
Após aprovação pela CAS, o projeto será examinado na quarta-feira (21) pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que por sua vez o votará na próxima quarta-feira (28). Em seguida, a matéria vai ao plenário, que poderá votá-la entre os dias 4 e 5 de julho.

Fonte: Diap

Últimas notícias

ver mais
CAOS NA SAÚDE SINJUS REITERA PEDIDO DE LIMINAR EM DEFESA DO IPSEMG terça-feira, 24/04/18 17:27 O diretor de Assuntos Jurídicos do Sindicato dos Servidores da Justiça de 2ª Instância ...
GREVE NOTA DE REPÚDIO À AÇÃO DA PMMG CONTRA OS PROFESSORES terça-feira, 24/04/18 13:52 O Sindicato dos Servidores da Justiça de 2ª Instância (SINJUS-MG) vem a público manifestar ...
reunião Professores de escolas particulares avaliam proposta de greve nesta terça terça-feira, 24/04/18 12:01 Categoria se reunirá na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, onde definirá o rumo da ...

Convênios

ver mais
Studio Val Oliveira Salão de Beleza Cruzeiro . BH (31) 3282 3502 https://goo.gl/BjG62z 10% a 20% ver mais
Barbearia Medie Val Barbearia Cruzerio . BH (31) 3568 3712 https://goo.gl/x5scoU 10% a 20% ver mais
Bonasecco BH Lavanderias Anchieta . BH (31) 2520 6596 www.bonasecco.com.br 10% + Delivery ver mais
Tânia Carvalho Psicologia Funcionários . BH (31) 99615 7372 50% ver mais
Top